sábado, 2 de julho de 2011

Anything is what it seems

Nem sempre o que parece ser é o que realmente é.
Nem sempre a rapariga que sorri todo o dia e que ajuda os outros, em casa, à noite, é a aquela rapariga que chora até adormecer agarrada a almofada. É aquela que mais precisa de ser ouvida.
Nem sempre aquele rapaz que faz rir todos e nunca está triste, é o mesmo em casa. Em casa, poderá ter problemas familiares e até poderá ficar o resto do dia trancado dentro do quarto, a ouvir música alta nos headphones para não ouvir as outras coisas, sempre a desejar que esse dia passe e que o próximo dia seja melhor.
Nem sempre um sorriso é verdadeiro. Atrás de um sorriso, poderá estar imensas lágrimas prontas para escorrem no seu rosto.
Muitas vezes, as pessoas escondem as coisas por vergonha, falta de coragem ou apenas porque já sabem que as outras pessoas vão acabar por se meter demasiado na vida deles.
E isso é no que a nossa sociedade se está a tornar...

15 comentários:

Rita Farinha disse...

Primeiro, vou seguir o teu novo blog :)
Em segundo lugar, acho que, agora, toda a gente é um pouco mais reservada e que muita gente tem ideia de algo diferente do que essa pessoa verdadeiramente é

Al* disse...

Hey, sigo na mesma porque simplesmente gosto de ler o que escreves e normalmente critico. Neste post, concordo contigo, plenamente pois nem sempre tudo o que parece é e falo por experiencia própria.
As pessoas que mostram um sorriso e depois por dentro estão a morrer e a desfazer-se, mostram o sorriso a quem acham que devem mostrar porque as pessoas que nos rodeiam nem sempre nos querem bem, nao podemos criar essa ilusão de que todos nos querem bem. Por exemplo, dizem que é mais fácil desabafar com pessoas completamente desconhecidas do que com a tua melhor amiga ou pais, ou irmãs. As vezes, acreditas piamente de que essa pessoa desconhecida com que vais desabafar nao vai comentar a tua vida ou contar a este ou aquele mas depois descobres que a escola inteira ou a tua rua inteira ou até mesmo o mundo todo sabe a razão pela qual tu choras, tu não sorris e assim. Agora, há outra vertente, normalmente tenho a tendencia a guardar tudo para mim e a escrever porque acho que há coisas que são minhas e ninguem necessita de saber mas quem é mesmo meu amigo vai reparar que o sorriso que eu esboço é falso e foi forçado. Já sei quem são os meu amigos devido a isso! Daí aquela expressão conhecida: não julgues pela aparencia ou até mesmo nem tudo o que parece é. entao, aquela rapariga que está sempre a mostrar o que sente, por exemplo chora por tudo e por nada, a meu ver e dependendo dos casos, é so alguem que precisa de atenção. Para mim, um verdadeiro amigo é aquele que repara quando tudo está mal mesmo quando se está a sorrir. Simplesmente, acho que nem todos temos que contar o que se passa connosco, nem tudo é necessario ser dito, nem tudo é necessário ser sabido e contado. Mas o que devemos extrair deste teu post é que nem tudo é o que parece por isso nao podemos julgar, apenas isso.
kiss, Al*

simple writer disse...

sabes, os enormes defeitos da nossa sociedade são mesmo julgar as pessoas pelo que fazem transparecer. vou seguir :b

StééF'ernandes disse...

Tornei-me fã.
Sigo, porque adoro o que escreves!
Sim, nem todos somos o que todos julgam, por vezes, o que achamos de uma pessoa é exactamente o contrário, afinal, qual é a pessoa transparente, acho que não existem muitas pessoas assim.
Não somos claros como água, porque nem a água é clara :)

StééF'ernandes disse...

Obrigada querida :)

Al* disse...

Então fico á espera da tua opinião sobre esta história ;)

e aqui está o meu tumblr : http://xanawantsrevenge.tumblr.com/

PauloSilva disse...

Pretty Little Liars! Amo!

A sociedade sofre de um mal que é a colocação de rótulos pela primeira aparência. Infelizmente é assim... Nunca sabem o que vai por detrás da cara bonita ou das más atitudes.

Janne ♥ disse...

Sigo o teu novo blog com tanto amor como seguia o antigo (:

Janne ♥ disse...

Sigo o teu novo blog com tanto amor como seguia o antigo (:

PauloSilva disse...

É uma SÉRIE FANTÁSTICA! *-*

m ; disse...

hoje em dia as pessoas vivem cada vez mais de aparências e não da realidade , nem se dão ao trabalho de conhecer bem as pessoas, por isso não conseguem ver quando alguém está bem ou mal , limitam-se a eles próprios...
continuo a seguir e a ler como no teu antigo blog (:

mary jones disse...

está mesmo querida, está perfeita

Adrian@ disse...

Concordo plenamente com o que escreves.te, e digo mais, acho que muitas vezes as pessoas escondem as coisas por medo que as outras nao a entendam e façam juizos precepitados.
Adorei e estou a seguir :)

Martha disse...

gosto imenso querida :)
sigo*

Andreia disse...

já vi essa série 1 ou 2 vezes.
sigo* (: